• Amanda Lima

Documentação para Listar Token em Exchange de Criptomoedas

No ano de 2020 tem crescido o número de empresas que adicionam blockchain em suas soluções. A maioria, inclusive, cria seus próprios tokens para viabilizar serviços/produtos através desse ativo digital.


Dentre as diversas formas de fazer marketing sobre um token, uma delas é o colocar em circulação através de disponibilização para compra e venda em uma empresa de intermediação de criptoativos, as exchanges de criptomoedas, gerando sua liquidez.


Ocorre que pela ausência de legislação única global de interpretação das moedas virtuais, algumas exchanges solicitam, além dos documentos naturais de identificação do projeto e da empresa, um documento (semelhante a um parecer) que esclareça como o país, em que a empresa responsável pelo token está constituída, interpreta a legislação aplicada às moedas virtuais, a fim de afastar possibilidades de listagem de empresas cujos países de constituição societária considera como crime a utilização de criptoativos.


O referido documento também é necessário para que se informe se o referido token é valor mobiliário e, ainda, toda a legislação pertinente à matéria. Geralmente, a solicitação do referido documento acompanha a exigência de assinatura de advogado com atuação na área de criptomoedas no país cuja legislação será esclarecida e só após a análise de toda a documentação necessária é que o token está habilitado para que possa ser comercializado dentro da plataforma de intermediação escolhida.


Para exemplificar, uma empresa com estatuto social no Brasil que solicita a inclusão de seu token em uma exchange de outro país será reivindicada, muito provavelmente, a apresentar o documento descrito para esclarecer como seu token é interpretado segundo a legislação brasileira, a fim de afastar qualquer impedimento originário do país onde a empresa está situada.


Bom, se você já passou por essa exigência, comente abaixo para que possamos compartilhar mais experiências no mercado de criptomoedas e blockchain. Ah, não esqueça de compartilhar esse texto com outras pessoas que tenham interesse sobre #listagem de #criptomoedas em #exchanges.


Abraço. Amanda Lima.

© 2018 por ADVOGANDO NA ESTRADA.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now